Revalida SIM! Revalida SEMPRE!

A Federação Médica Brasileira (FMB) manifesta preocupação com a tramitação de projetos de lei (PL 3252/2020 e 881/2021) na Câmara dos Deputados que visam flexibilizar a atuação de médicos formados no exterior sem a devida revalidação de diplomas e sem o registro profissional do CRM.

A pandemia do Coronavírus não pode ser desculpa para que políticos ignorem a Lei 13.959/2019, que instituiu o Revalida, e assim precarizem o atendimento médico permitindo a atuação de profissionais que não comprovem sua capacidade técnica. Isso é apresentar soluções falsas para a sociedade em um momento tão grave e que exige respeito e seriedade.

O Brasil tem mais de 560 mil médicos em atividade o que equivale a 2,67 médicos para mil habitantes, enquanto que a meta fixada historicamente pela Organização Mundial de Saúde é de 1 médico para cada mil habitantes.

A Federação Médica Brasileira exorta a todos os deputados federais a analisarem com atenção esta pauta e cerrarem fileiras com os médicos e as suas entidades representativas pela não aprovação dos projetos de lei em debate.

Não podemos retroceder colocando em risco a vida da população!

Os brasileiros merecem atendimento de qualidade por médicos que comprovem sua capacidade!

Revalida SIM!

Revalida, SEMPRE!

A Diretoria

Fonte FMB